top of page

Reputação Digital (parte II) - a relações no ambiente digital


A. O consumismo digital e os nativos digitais


Uma geração que possui habilidades tecnológicas intrínsecas e de alto valor para as empresas. Apelidada de geração z ou pós millennials x (80 até meados dos anos 90), é a geração que dos que nasceram em meados dos anos 90 até 2010.


As principais características dessa geração são de ser mais tolerantes às diversidades, utilizar as tecnologias e, principalmente, utilizar a comunicação entre as tecnologias por meio da internet das coisas (iot).

A cada período em que as plataformas digitais sociais se esgotam de atrativos, aparecem outras, mas todas, sem exceções possuem apenas um objetivo: manter pelo maior período de tempo o usuário nas plataformas para que desta forma ele venda mais publicidade e seus produtos.


O celular carrega hoje uma gama de dados em foto, textos e dados compilados de fácil acesso para tanto para o dono da informação/dados quanto para que pode utilizá-la de má fé.


Atrativos, funcionalidades de telas, aplicativos multifuncionais, tudo ligado hoje ao único aparelho que está em 80% do tempo “colado” ao usuário, o celular.


A cada atrativo, mais pessoas e quanto mais pessoas maior será o êxodo do físico para o digital e temos aí um novo paradigma de relacionamento.

Quanto maior for o tempo que uma pessoa passar numa plataforma virtual (digital), maior será o seu distanciamento da sua realidade física, logo a sua percepção também mudará. Também podem os incluir aí os paradigmas de “amizades, conexões e relacionamentos”.

B. Os paradigmas sobre relacionamento “digital”


Para os nativos digitais, e um pouco a geração z, a relação se dá dentro do ambiente digital. Se houver uma ruptura (desconexão//bloqueio) neste ambiente, a relação também está rompida porque quase toda a sua vida e cotidiano estão ali. Logo, se houver uma limitação para dividir, compartilhar estas informações, a “relação digital” não existe. É o chamado, “clico/acesso, logo existo.”


Para uma conexão existir no ambiente digital, basta um aceite ou algo que chame rapidamente a atenção. Não um limite maior ou um fato mais criterioso para que a conexão exista. E dentro desta conexão a relação consiste em discutir sobre postagens pessoas, de terceiros ou algo público. Desta fase, a proximidade maior será via whatsapp e vice-versa.


Esta relação se dá numa exaustiva “prestação de contas” de vida e exibicionismo de informações (imagens, relatos em textos ou vídeos).

Dado a estes fatos, entende-se o porquê tantas informações estão transitando pela rede e de forma pública ou altamente compartilhada e que gera também uma alta periculosidade para o uso de má fé dessas informações e o compartilhamento delas sem autorização ou com interpretações que podem causa até histeria coletiva e pública.

Bình luận


Bình luận đã bị tắt.
bottom of page